chat Online

A+

A-

Voltar

Entenda o conceito e importância do Compliance para as organizações

Por Coordenadoria de Comunicação Social   |   19 de Abril de 2022 às 13:23

Recentemente, um dos assuntos mais falados no mundo corporativo é a importância do Compliance para as organizações. Mas, afinal, o que exatamente é Compliance? Quais os benefícios que ele gera e de que forma pode ser aplicado? 

O termo Compliance vem do verbo em inglês ‘to comply’, que significa “obedecer a uma ordem, procedimento”. Sendo assim, a prática consiste em manter padrões éticos e regulamentos internos e externos, seguir as leis e adotar um comportamento íntegro. 

Para que uma instituição aplique esse conceito é necessário que todos os setores estejam envolvidos e alinhados em uma política de Compliance, incluindo áreas como Recursos Humanos, Comunicação e Jurídico, além das principais lideranças. “Recentemente, algumas leis específicas foram desenvolvidas para fortalecer as práticas de Compliance, como a Lei Anticorrupção, a Lei das Estatais e a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD)”, explica a advogada e coordenadora Jurídica da Escola de Negócios e Seguros (ENS), Lorayne Buentes. 

Comportamento ético e íntegro 

As corporações devem instruir e treinar seus colaboradores para que sigam o padrão legal e ético de comportamento, o que contribuirá para uma cultura organizacional de conformidade, controles e integridade. “Por meio das práticas de Compliance e Governança, as organizações mostram que priorizam um comportamento ético e íntegro, que respeitam a sociedade e os órgãos públicos, e que estão em conformidade com atos, normas e leis”, destaca a coordenadora. 

Lorayne afirma ainda que um programa robusto de Compliance e Controles Internos também garante uma série de vantagens às instituições. Estar em conformidade com as normas se tornou uma condição para a empresa ser bem aceita na sociedade, manter uma imagem ética e responsável e, com isso, obter melhores resultados operacionais e financeiros. “Mapeamento de riscos e controles, avaliação e correção de problemas, prevenção contra fraudes e lavagem de dinheiro são alguns dos benefícios que o Compliance traz para as organizações”, ressalta a advogada. 
 
Como implantar o Compliance nas empresas? 
 
Algumas ações são fundamentais para a adoção do Compliance, veja abaixo: 

- Manter um setor especializado em Compliance e Controles Internos; 
- Estabelecer um código de Conduta Ética para colaboradores e terceiros; 
- Conscientizar os funcionários sobre a importância de seguir regras e padrões estabelecidos no Código de Conduta; 
- Disponibilizar canais internos para denúncias; 
- Manter uma auditoria e mapear os processos internos. 

Curso ensina a traçar plano estratégico 

Para quem busca melhorar a governança corporativa e os controles internos a fim de expandir os negócios de forma sustentável, a Formação Executiva em Compliance e Controles Internos, ministrada pela Escola de Negócios e Seguros (ENS), oferece ferramentas que possibilitam às empresas do mercado segurador transformar o plano estratégico em medidas táticas e operacionais, capazes de gerar valor para os stakeholders. 
 
O curso está com inscrições abertas para turmas com início em maio. Conheça mais detalhes sobre o programa e matricule-se! 

Outras Notícias

30/05/2022 - 01:05

Mulheres no mercado de seguros: participação em chefia cresceu, mas diferença salarial permanece

ler mais

29/19/2022 - 01:19

ECOA, a plataforma de streaming do seguro

ler mais

28/30/2022 - 01:30

Última oportunidade do ano para se tornar corretor

ler mais

27/55/2022 - 01:55

ENS lança nova pós sobre Regulação de Seguros

ler mais