chat Online

A+

A-

Voltar

Em live, especialistas reforçam importância do setor logístico

Por Coordenadoria de Comunicação Social   |   28 de Julho de 2022 às 15:0

Presente nos mais diferentes modelos e segmentos de negócios, a Gestão Logística é uma atividade fundamental para mitigação de riscos, devendo ser conduzida de forma cuidadosa e planejada a fim de preservar as operações que abastecem as cadeias de suprimentos.

Com o propósito de debater o tema, a Escola de Negócios e Seguros (ENS) realizou, na última quarta-feira, 20 de julho, a live “A Gestão de Riscos Logísticos e desafios do setor”, que contou com a participação dos docentes e coordenadores acadêmicos da Instituição, Dáclis Coelho e Luiz Macoto Sakamoto, além do Risk Manager titular da International Risk Veritas, Alfredo Chaia.

Em formato de mesa redonda, os especialistas apresentaram detalhes deste setor, assim como os maiores desafios e as oportunidades.

História de 4 mil anos

O gerenciamento de riscos logísticos e o desenvolvimento desta indústria sempre estiveram presentes nas atividades que envolvem a comercialização de produtos, conforme destacaram os participantes.

De acordo com a concepção abordada pelos especialistas, as operações logísticas existem há mais de quatro mil anos, quando consistiam no transporte de mercadorias de forma primária. “Naquele tempo, a logística era apenas para levar mercadorias de um ponto A até um ponto B. Isso acontecia por meio de um modal que não era ferroviário, rodoviário, aquaviário ou aéreo. Era feito pelos camelos da Babilônia”, explicou Sakamoto.

De acordo com o docente, o crescimento dos comércios deu origem ao princípio da mutualidade e a mitigação dos riscos passou a ser uma atividade presente em todas as operações da época, permanecendo até os dias atuais. “Para fazer frente aos riscos, que eram constantes naquele tempo, as operações eram feitas em caravanas e existia uma transferência de riscos”, afirmou Sakamoto.

Brasil é destaque na cadeia logística

Nos tempos modernos, a logística passou a compor os modelos de operação das corporações e, segundo Sakamoto, o seccionamento das mercadorias e as embalagens em lotes começaram a ser utilizados.

Endossando a visão do coordenador da ENS, Alfredo Chaia afirmou que a logística vem ganhando, continuamente, espaço nas operações corporativas, e que o Brasil está cada vez mais inserido nessa cadeia produtiva. “Em 2022, o setor tem uma função estratégica para o funcionamento nacional, com o crescimento do agronegócio e a indústria aeronáutica”, frisou Chaia.

O especialista afirmou que a presença do Brasil no cenário internacional é relevante e que o País está na direção certa. “Quando falamos de Acordo Brasil, OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico), Brasil AMC, Mercosul e União Europeia, todas essas combinações empurram o País na direção do mercado internacional, com uma exigência importante (ASG) que influencia fortemente o setor”.

Investimentos

Assim como os demais segmentos da economia, para que o setor logístico cresça e funcione adequadamente é necessário investimento. De acordo com o executivo da International Risk Veritas, esta indústria é uma das que mais tem potencial para expandir, porém, também é uma das que mais enfrenta desafios. “Temos alguns bilhões de reais destinados às ferrovias. Existe também um trabalho para hidrovias que vem se expandindo ao longo dos anos, assim como há desafios de ampliação do modo fluvial. Mas nós temos um potencial muito grande para ampliar esse modo de transporte”, afirmou Alfredo Chaia.

Atue como Gestor Logístico

Para o setor continuar em uma crescente exponencial é necessário contar com profissionais capacitados, que saibam unir a gestão logística com tecnologias atuais, como, por exemplo, análise de dados, machine learning e blockchain. “Com toda essa sofisticação, o aumento em tamanho e a complexidade das operações, são exigidos profissionais qualificados para lidar com as tantas variáveis”, complementou o executivo.

Para atender a essa demanda, a Escola de Negócios e Seguros (ENS) lançou a inédita graduação em Gestão de Riscos Logísticos. Com aulas previstas para o começo de agosto, o curso vai ensinar as melhoras práticas para mitigar os riscos logísticos das empresas, além das diversas etapas que compõem um processo técnico, de operação logística e riscos associados, capacitando profissionais para planejar, coordenar, executar e avaliar atividades focadas na gestão e no tratamento dos riscos logísticos.

Se interessou por essa novidade? Clique aqui para fazer parte do time de gestores que contribuirão para o desenvolvimento da infraestrutura logística brasileira.

Outras Notícias

24/51/2022 - 01:51

CHCS 2023: inscrições abertas com 20% de desconto

ler mais

23/04/2022 - 04:04

Confira a Black Friday ENS

ler mais

23/39/2022 - 01:39

Certificação garante melhores práticas no atendimento ao público

ler mais

22/52/2022 - 01:52

MBA Gestão Estratégica: valor acessível e início imediato

ler mais