chat Online

A+

A-

Voltar

Artigo – Regulação dos Seguros no Brasil: o que se pode esperar do Open Insurance?

Por Coordenadoria de Comunicação Social   |   24 de Outubro de 2022 às 16:7

Para apoiar sua participação no FIBE – Fórum de Integração Brasil Europa, realizado em abril de 2022, em Lisboa, o economista e ex-presidente da CNseg, Marcio Coriolano, produziu artigo sobre o tema “Os Desafios do Desenvolvimento: O Futuro da Regulação Estatal”.

O texto reflete sobre possibilidades e limites de um novo paradigma de regulação de mercados com intervenção do Estado, por agências reguladoras, baseado na ferramenta das transações eletrônicas entre os diversos agentes de uma determinada cadeia produtiva ou de valor.

Ao mesmo tempo em que reconhece as virtudes desse novo paradigma, na indústria de seguros chamado de open insurance – processo que visa criar um ambiente de negócios mais moderno, competitivo e transparente, que têm como objetivo final o empoderamento dos consumidores –, Coriolano alerta para uma onda de “obsessão exagerada dos reguladores pela tecnologia em todos os campos da vida humana mundo afora”.

Os questionamentos do ex-presidente da CNseg são lastreados por aspectos como a forte assimetria no acesso ao mundo digital em um país com as dimensões e diferenças culturais e de renda como o Brasil; a grande complexidade para implantação do futuro ecossistema; os elevados custos iniciais e de manutenção pelas seguradoras; e o desconhecimento do consumidor sobre as vantagens de aderirem ao sistema aberto de seguros.

Ao longo de seis capítulos, que abordam temas como os antecedentes dos seguros no Brasil, o futuro da regulação tendo o open insurance como paradigma e o desafio da ampliação da proteção, o autor defende que a adoção do novo sistema passe, antes, por um processo de escrutínio de viabilidade e por testes de aderência à realidade do setor, para que, quando bem-sucedidos, o open insurance seja, então, progressivamente implantado.

O artigo “Regulação dos Seguros no Brasil: o que se pode esperar do Open Insurance?” é, portanto, leitura obrigatória para quem deseja conhecer a silenciosa revolução pela qual a indústria brasileira de seguros está passando. O texto está publicado, na íntegra, na série ‘Estudos e Pesquisas’, dentro do site da Escola de Negócios e Seguros (ENS), clique aqui para acessar.

Boa leitura!

Por: Marcio Serôa de Araujo Coriolano, Economista, ex-Presidente da Confederação Nacional das Seguradoras (CNseg) – Junho de 2022

Outras Notícias

24/51/2022 - 01:51

CHCS 2023: inscrições abertas com 20% de desconto

ler mais

23/04/2022 - 04:04

Confira a Black Friday ENS

ler mais

23/39/2022 - 01:39

Certificação garante melhores práticas no atendimento ao público

ler mais

22/52/2022 - 01:52

MBA Gestão Estratégica: valor acessível e início imediato

ler mais